-

-

Stupid Girl.

Ela já com o coração em milhares de pedaços, foi se encontrar com ele, para aquela conversa - a conversa que colocaria ou não um ponto final naquele lindo conto de fadas.
Quando ela o viu, foi como se uma faca atravessasse seu peito. Ela com um pouco de esperança disse um oi triste, fraco. Ele seco "oi", então ela se segurou para que uma lágrima não escorresse por sua face. Mas já estava na hora. Aquilo era preciso - a conversa.
Ela, cheia de tristeza, fraca, com a voz rouca, entregou-lhe um papel, com tudo escrito, e ainda se segurando para que não chorasse. Então ele leu. Inseguro de um fim, ele explicou... e enfim as cartas na mesa.
Ela, machucada e ele com uma expressão indefinida. Então ele pediu a ela novamente que confiasse nele, e desculpas, muitas desculpas. E um beijo - o melhor, o mais intenso. Um beijo roubado.
Foi como se ela não estivesse mais ali, era como se ela se encontrasse num lugar de paz, como se nada tivesse acontecido, como se seu coração estivesse novamente... novo. Ela o soltou e com um sorriso enorme, tudo estava bem. Tudo parecia bem. Ela preferiu assim.
Ela não conseguiu, mas UMA, apenas uma lágrima rolou, mas ficou naquilo: um sorriso bobo, e uma lágrima no canto dos olhos. Tudo num indefinido sentimento.

4 comentários:

  1. não consegui tirar os olhos desse texto, ele realmente ficou perfeito D:

    ResponderExcluir
  2. não consegui tirar os olhos desse texto, ele realmente ficou perfeito D: ²

    ResponderExcluir
  3. que lindo, sue. *OOO*
    é impossível ler e não perceber sentimento por tras dele.

    ResponderExcluir
  4. muito bom ta pegando o jeito.....

    ResponderExcluir